São Paulo F.C



São Paulo é derrotado pelo Atlético-MG no Morumbi

Em duelo aberto, mineiros venceram por 2 a 1 pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro de 2017

Em duelo franco e com boas oportunidades de gols para as duas equipes, o Tricolor foi derrotado pelo Atlético-MG por 2 a 1 na tarde deste domingo (18), no Morumbi, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro de 2017. Marcinho marcou para o São Paulo, enquanto Cazares e Rafael Moura anotaram os tentos dos visitantes. Com o revés, o time são-paulino caiu para a 13ª colocação, com dez pontos. Na próxima quarta-feira (21), às 21h45 (de Brasília), os paulistas visitarão o Atlético-PR na Arena Baixada.

O primeiro dos três títulos são-paulinos da Libertadores completou 25 anos no último sábado (17). Então, para homenagear os heróis da inédita conquista, os atletas são-paulinos jogaram com os nomes dos comandados de Telê Santana que protagonizaram o principal jogo da história do Morumbi. Em 17 de junho de 1992, o São Paulo mudou a forma como os times brasileiros encaravam a principal competição do continente.

Para encarar os atleticanos, o técnico Rogério Ceni não contou com Buffarini (faz trabalho físico antes do retorno), Maicosuel (segue a programação para reequilíbrio muscular), Morato (cirurgia no ligamento cruzado do joelho direito), João Schmidt (entorse no joelho esquerdo) e Rodrigo Caio (edema no músculo posterior da coxa esquerda).

Apesar das baixas, o time são-paulino contou com as voltas de Cueva, que estava na Seleção Peruana, e Araruna, Thiago Mendes e Bruno que ficaram como opção entre os suplentes. Dessa forma, o treinador escalou a equipe com Renan Ribeiro; Éder Militão, Maicon e Lucão; Marcinho, Jucilei, Cícero e Junior Tavares; Wellington Nem, Lucas Pratto e Cueva.

Já os mineiros atuaram com Victor; Alex Silva, Léo Silva, Felipe Santana e Fábio Santos; Rafael Carioca, Yago, Elias e Cazares; Robinho e Rafael Moura. Quando a bola rolou, São Paulo e Atlético-MG partiram em busca do gol. Aos oito minutos, Cazares bateu da entrada da área e abriu o placar: 1 a 0. Em busca do empate, o Tricolor tentou responder, mas tinha dificuldade para chegar à meta de Victor

Dessa forma, após superar um momento truncado da partida, o time paulista assustou aos 30 minutos: Wellington Nem tocou para Cueva, que enfiou a bola entre os zagueiros em direção a Pratto. O centroavante ajeitou o corpo e bateu colocado: a bola passou rente à trave. No minuto seguinte, em nova chegada, Marcinho cruzou por baixo e argentino desviou de primeira: a finalização levou perigo aos visitantes.

Os lances animaram o Tricolor, que partiu para cima do adversário e criaram outra boa oportunidade antes do intervalo. Aos 33 minutos, Marcinho, que era acionado constantemente na direita, cruzou na área e por pouco não encontrou Wellington Nem que entrou pelo meio. Apesar de insistir, o São Paulo não conseguiu deixar tudo igual na primeira etapa.

Na volta para o segundo tempo, Rogério mexeu no time e promoveu a entrada de Thiago Mendes, que entrou no lugar de Wellington Nem – o camisa 23 entrou na lateral direita, enquanto Marcinho foi deslocado para o ataque. E a alteração do comandante logo surtiu efeito no primeiro minuto: Junior Tavares fez belíssima jogada individual pela esquerda e rolou para Marcinho, que tocou rasteiro na saída de Victor para empatar: 1 a 1!

O gol deu ânimo extra ao Tricolor, que acuou a equipe mineira e agitou a torcida nas arquibancadas. Aos seis minutos, Cueva levantou e Pratto cabeceou com perigo. Depois, aos 17, Marcinho quase fez o segundo ao aproveitar a sobra na grande área: a bola passou por cima do travessão. Para manter a pressão e ter mais opções na frente, o técnico são-paulino colocou Bruno na vaga do zagueiro Éder Militão.

E quando buscava a virada, o São Paulo sofreu o tento dos mineiros aos 35 minutos: Rafael Moura fez 2 a 1. Na última tentativa de balançar as redes novamente, o Tricolor ainda contou com Gilberto, que ocupou o lugar de Cícero, mas o placar não foi alterado novamente. Na próxima quarta-feira (21), às 21h45 (de Brasília), os paulistas visitarão o Atlético-PR pela nona rodada, na Arena Baixada.