São Paulo F.C



Vendo a diferença cair rodada a rodada, Tricolor encara o Criciúma

Na tarde deste domingo (2), em Santa Catarina, São Paulo luta para se aproximar ainda mais do Cruzeiro

8703.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

A tarefa não é fácil, mas o Tricolor ainda luta pelo título do Campeonato Brasileiro de 2014. Na tarde deste domingo (2), às 17h (de Brasília) empolgado pelo retrospecto favorável dos últimos jogos, o São Paulo visita o Criciúma no Estádio Heriberto Hülse. Nas últimas cinco rodadas, a equipe são-paulina fez a diferença de pontos para o líder Cruzeiro cair de dez para cinco pontos - 61 dos mineiros, contra 56 dos paulistas (no segundo lugar).

Os comandados do técnico Muricy Ramalho estão há 16 rodadas no G-4 - desde a vitória sobre o Internacional por 1 a 0, em pleno Beira-Rio, no dia 20 de agosto -, e conseguiram dar mais emoção ao torneio nesta reta final ao colar na ponta da tabela. "Não podemos pensar só no Cruzeiro e nos descuidarmos de quem está atrás. Temos que focar na gente", avaliou o polivalente Michel Bastos, que acrescentou.

"Ganhando, a gente se mantém no G-4. É uma prioridade jogar a Libertadores do ano que vem. Além disso, ganhando nossos jogos, continua a possibilidade de sermos campeões", acrescentou o camisa 7, que ao lado de seus companheiros terá a dura missão de quebrar um incômodo tabu na temporada: o Tricolor ainda não venceu times de Santa Catarina no Brasileiro.

Até aqui, foram uma derrota e um empate com a Chapecoense - 0 x 1, no Morumbi, e 0 x 0, em Chapecó -, além dos empates com o Criciúma (1 x 1, no Morumbi) e Figueirense (1 x 1, em Florianópolis).  A única vitória do São Paulo sobre um time do estado este ano foi justamente sobre o Tigre, por 2 a 0. Na ocasião, o resultado positivo garantiu a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Para o duelo deste final de semana, a equipe poderá contar com as voltas do meio-campista Denilson e do atacante Luis Fabiano, que cumpriram suspensão na goleada sobre o Emelec-EQU (4 x 2). Apesar das novidades, Muricy terá desfalques: Rodrigo Caio (cirurgia no ligamento do joelho esquerdo),  Alexandre Pato e Rafael Toloi (lesões musculares na coxa esquerda) seguem entregues aos fisioterapeutas do REFFIS e não estão à disposição do comandante.

Por conta do excesso de jogos e viagens neste segundo semestre, a comissão técnica optou por não relacionar o meio-campista Kaká, que tem sido peça fundamental do Tricolor na briga por títulos nesta reta final de temporada. Assim, o jogador ficará no Centro de Treinamento da Barra Funda aprimorando a forma física.

CRICIÚMA x SÃO PAULO

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data: 02/11/2014 (domingo)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa-PA)
Assistentes: Márcio Eustáquio (Fifa-MG) e Márcio Correia Dias (PA)

CRICIÚMA: Bruno; Rafael Pereira, Joílson, Fábio Ferreira; Eduardo, Rodrigo Souza, Cléber Santana, Roger Gaúcho, Giovanni; Lucca e Souza. Técnico: Toninho Cecílio.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Hudson, Paulo Miranda, Edson Silva e Alvaro Pereira; Denilson, Souza, Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Alan Kardec e Luis Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho.