São Paulo F.C



Basquete Tricolor enaltece torcida e garra para conquistar o Paulista

Mortari, Marquinhos e Elinho admitem que título teve um sabor especial

3031.jpg

Por Rubens Chiri/Saopaulofc.net

O título do Campeonato Paulista de Basquete foi muito festejado pelos jogadores e comissão técnica do São Paulo, que fizeram questão de agradecer ao apoio dos torcedores no ginásio do Morumbi e também a força e foco que o time teve para superar o Franca na decisão.

O título teve um gosto especial até mesmo para quem já conquistou diversas taças ao longo da carreira, como Claudio Mortari, Marquinhos e Elinho.

“Chega uma idade na sua vida que poucas coisas surpreendem, mas o que eu recebi do São Paulo foi algo marcante. Nunca me faltou nada neste clube. A participação da torcida foi algo estimulante e contagiante. Tive diversos títulos, até campeão do mundo, mas esse é especial. Eu sou são-paulino, tivemos uma grande dificuldade para remontar a equipe e passei por uma dificuldade particular (falecimento da esposa) que me abalou muito, mas o São Paulo me reergueu. O resultado está aí”, comemorou Mortari.

Hexacampeão paulista (conquistou os últimos seis estaduais), o armador Elinho também ressalta que o título pelo Tricolor teve um sabor especial. “Tenho seis títulos seguidos, mas creio que esse tenha sido o primeiro que eu chorei, por tudo que aconteceu. Não era para eu ter voltado (ele quebrou um osso da mão), mas consegui voltar antes do esperado. Tenho que agradecer muito ao Duda e ao Bruninho (Eduardo Cappucci e Bruno Secco, respectivamente, ambos fisioterapeutas do clube) por me fazerem voltar a jogar. E a torcida fez uma festa linda”, disse o jogador.

Marquinhos era um dos atletas mais animados durante a comemoração. São-paulino de coração, realizou seu sonho de defender o time de coração e ainda conquistando um título. “Ser campeão com essa camisa representa muito. Cheguei há uns três meses e eu disse que viria para fazer história e consegui, junto com meus companheiros. Foi difícil demais, mas tivemos muita garra e nunca desistimos. É uma alegria que não dá para explicar em palavras. Apenas sinto. Queria agradecer também ao apoio da torcida, que jogou com a gente nos dois jogos da final. Muito obrigado”, afirmou o capitão tricolor.

O animado tricolor não terá muito tempo para as festividades. No sábado, o São Paulo já estreia no NBB contra o Flamengo, no ginásio do Morumbi.