São Paulo F.C



Em grande atuação, São Paulo vence e fica a uma vitória da final da Liga Ouro

Equipe bateu o Campo Mourão por 103 a 80 fora de casa e pode resolver a série na terça-feira

Em sua melhor atuação nas semifinais da Liga Ouro, o São Paulo não tomou conhecimento do Campo Mourão e, mesmo fora de casa, venceu com autoridade por 103 a 80. O placar representou o melhor desempenho ofensivo dos são-paulinos na competição e também foi a vitória por maior diferença do Tricolor. Com o resultado, o Tricolor virou a série para 2 a 1 e agora precisa de apenas mais uma vitória para garantir vaga na decisão da competição, que dá acesso ao NBB. Jones (34 pontos, cinco rebotes e quatro assistências), João Vitor (21 pontos e seis rebotes) e Stocks (17 pontos, 11 rebotes e seis assistências) foram os principais destaques da partida.

Embalado pela vitória na última quinta-feira, o São Paulo entrou no Ginásio JK sabendo que enfrentaria um adversário extremamente experiente e difícil vencer em seus domínios. Por isso, desde o instante em que a bola laranja subiu o que se viu foi um Tricolor absolutamente ligado na partida. Distribuindo bem a pontuação entre seus jogadores, os são-paulinos ignoraram o fator casa e venceram a parcial por 29 a 23.

Foi no segundo quarto, porém, que a partida praticamente foi definida. Agressivo na marcação, o São Paulo conseguiu dificultar o arremesso dos paranaenses (que tiveram apenas 33% de aproveitamento) e mostrou pontaria afiada quando teve a bola nas mãos. Os mais de 56% de aproveitamento nos tiros de quadra fizeram o Tricolor ir para o intervalo com uma vantagem de 15 pontos (55 a 40), o que aumentou a confiança para o restante da partida.

Os comandados do técnico Claudio Mortari sabiam que manter o ritmo na volta do intervalo praticamente impediria uma reação do adversário, que ao  longo da Liga Ouro mostrou qualidade para sair de situações adversas. Mas dessa vez o Tricolor mostrou que não daria chances ao rival e continuou pisando no acelerador. Com 16 pontos apenas no período, Jones foi o principal responsável por fazer a vantagem, que já era boa, aumentar ainda mais.

Com a vitória praticamente assegurada, o São Paulo voltou para o último quarto sabendo administrar o relógio e aproveitando o desespero do rival para continuar com uma vantagem confortável no placar, que em momento algum foi ameaçado.

As equipes agora voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, às 19h30, novamente no Ginásio JK.