São Paulo F.C



São Paulo se recupera na Liga Ouro e bate o Pato Basquete

Equipe reverte desvantagem no último quarto e embola briga na classificação

WhatsApp Image 2019-03-21 at 00.13.55.jpeg

Por Luciane Koba / Pato Basquete

Foi com emoção, mas o São Paulo conseguiu bater a equipe do Pato Basquete fora de casa por 71 a 68, se recuperou da derrota para o Blumenau e encerrou a primeira fase da Liga Ouro em quarto lugar, empatado com Rio Claro, Campo Mourão e Basquete Cerrado com 11 pontos. O Londrina lidera com 12.

Sabendo da necessidade de voltar a vencer, o Tricolor entrou em quadra extremamente concentrado e fez um primeiro muito sólido ofensivamente. Nem mesmo a pontaria afiada do adversário nas bolas de três (foram 5 tiros certeiros do perímetro só nos primeiros dez minutos) freou o ímpeto da equipe. 

No quarto seguinte o cenário se inverteu. Se o Pato Branco seguia castigando nas bolas de três, a equipe do técnico Claudio Mortari viu seu desempenho coletivo cair e o adversário não desperdiçou a oportunidade de virar o marcador e ir para o intervalo com cinco pontos na frente (36 a 31) após chegar a estar perdendo por nove. 

Foi quando o elenco começou a mostrar sua força. Mortari passou a rodar o elenco e Lucas Brito iniciou uma jornada de recuperação para o time. Com muita velocidade, o ala recolocou o time nos trilhos e o São Paulo voltou a pontuar, mas contava com um rival que seguia calibrado e mantinha a vantagem no marcador.

Era preciso, então, algo a mais. Foi quando Brito, inspirado, liderou a equipe no último quarto e contribuiu com nove pontos (sendo seis deles em arremessos de três) para fazer o São Paulo finalmente assumir a ponta para não perder mais. O camisa 6 terminou com 13 pontos e foi um dos destaques da equipe. Ted foi o cestinha, com 17 e Stocks anotou outros 12. 

Fico feliz que meu desempenho individual ajudou a equipe a ganhar a partida, mas isso só aconteceu porque coletivamente também fomos muito bem. Vamos nos focar para as coisas darem certo; sabemos como ganhar os jogos e vamos trabalhar forte para essa sequência”, ponderou Brito.

O Tricolor agora tem dez dias de descanso e volta à quadra no dia 30 diante do Unifacisa, no ginásio Antonio Leme Nunes Galvão, no Morumbi, para iniciar o returno da Liga Ouro.