São Paulo F.C



São Paulo bate Pinheiros e confirma boa fase no NBB

Tricolor vence terceiro jogo seguido em partida acompanhada pelo técnico da Seleção

Pinheiros x SPFC

O São Paulo confirmou sua boa fase no NBB e emplacou a terceira vitória consecutiva na competição. Jogando um basquete eficiente na defesa e variando as jogadas no ataque, o time dominou o Pinheiros e venceu na casa do adversário por 88 a 78. Os principais destaques da partida foram Georginho (20 pontos, dez assistências e seis rebotes), Léo Meindl (22 pontos e cinco rebotes) e Renan (15 pontos e cinco rebotes).

A partida manteve a invencibilidade do Tricolor atuando como visitante (quatro vitórias em quatro jogos) e contou com uma presença especial: Aleksandar Petrovic, técnico da Seleção Brasileira, compareceu ao Ginásio Henrique Villaboim para acompanhar alguns atletas in loco visando futuras convocações.

Tradicionalmente forte no jogo de perímetro, o São Paulo mostrou no primeiro tempo que é um time de repertório variado e concentrou suas ações no jogo de garrafão. Nos primeiro 20 minutos de bola rolando, o Tricolor converteu apenas três bolas de longa distância (duas com Renan e uma com Shamell) e mostrou eficiência no jogo de garrafão, especialmente com Renan e Kurtz, que saiu do banco e contribuiu com oito pontos.

Defensivamente a equipe se portou bem na primeira etapa e dificultou a vida do adversário, que não conseguia encaixar seu jogo e chegou a ficar atrás por 11 pontos. A poucos minutos do fim do segundo quarto, no entanto, o São Paulo errou uma série de ataques consecutivos e Pinheiros aproveitou para reduzir a diferença e ir para o vestiário perdendo por apenas dois pontos (35 a 33).

O terceiro quarto apresentou uma partida totalmente diferente. O Pinheiros voltou com enorme eficiência ofensiva e passou a acertar os tiros de três que foram escassos na primeira etapa. Em poucos minutos, os donos da casa não só viraram o marcador como chegaram a abrir cinco pontos de dianteira, obrigando o técnico Cláudio Mortari a pedir tempo para ajustar a equipe e esfriar o adversário. A estratégia surtiu efeito: a equipe se encontrou, virou novamente o placar e ainda conseguiu ampliar a liderança para seis pontos.

Uma bola de três de Jefferson logo no primeiro ataque do último quarto colocou o São Paulo com nove pontos à frente, mas os jogadores sabiam que o resultado estava longe de ser definido. Jogando com enorme eficiência nos dois lados da quadra, o Tricolor deslanchou no último período apoiado especialmente por Léo Meindl, que marcou 11 pontos no período (metade do seu total na partida) e enterrou qualquer possibilidade de reação do adversário.

O São Paulo volta à quadra no próximo dia 29 para enfrentar o Basquete Cearense. A partida acontece no Ginásio Antonio Leme Nunes Galvão, no Morumbi, às 21h10. A entrada para o jogo é gratuita.